Cosme e Damião.

O caruru, prato tradicional das festas de Cosme e Damião, tem muita história para contar. Muito além do prato, ele carrega curiosidades, ancestralidade e um contexto de celebrações em nosso país.


Vamos saber mais?


↪️Dia 27 de setembro é quando é comemorado o Dia de Cosme e Damião. Os gêmeos são figuras muito festejadas nas religiões de matriz africana nagô- nas quais são chamados de Ibeji; e têm sua correspondência na religião católica também


↪️São conhecidos como ‘bons de boca’ e gostam de doces, pipoca e de caruru


↪️Enquanto se distribui doces para crianças na rua, em casa é feito o" Caruru de Sete Meninos"


↪️ O caruru, comida feita com quiabo cortado, camarão seco, azeite de dendê entre outros temperos, é oferecido para homenagear diversos santos e santas tanto dentro da religião católica e dos orixás no Candomblé e na Umbanda ao longo do ano


↪️ Em setembro, é a vez do "Caruru de Sete Meninos", que leva alguns acompanhamentos específicos: feijão fradinho, arroz, farofa de dendê, ovos cozidos, frango cozido, banana da terra frita, rapadura, cana-de-açúcar e pipoca


↪️ No "Caruru de Sete Meninos" manda a tradição que sete crianças, ou sete meninos(as), comam usando as mãos e depois limpem na saia de quem ofertou o prato. Só depois que as crianças comem é que todo mundo vai comer e se alimentar também


Curioso, não? Pois é, a comida carrega histórias e cultura.


Você sabia de tudo isso? Conta pra gente aqui nos comentários 👇🏼


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square